Obs.: você está visualizando a versão para impressão desta página.
Voltar ao topoVer em Libras
« Mais recente🔀
ImprimirReportar erroTags:empresa, privatização, maior, ações, correios, santos e porto124 palavras1 min. para ler
Com a oferta das ações da Eletrobras realizada ontem à noite a empresa de energia será privatizada por R$ 33,7 bilhões. Esta é a maior operação da Bolsa brasileira desde a megacapitalização da Petrobras em 2012. A privatização permitirá, já de saída, que novos planos de investimento, tão essenciais nesse segmento, sejam implementados na empresa e promovam a tão urgente modernização do setor elétrico.
Ao todo, 370 mil trabalhadores brasileiros usaram o FGTS para fazer reservas de ações da empresa.

Essa é uma das grandes vitórias do ministro Paulo Guedes e a maior privatização do Governo Bolsonaro até aqui, que segue cumprindo a promessa de tirar o Estado do cangote do cidadão. Próximas privatizações em vista são a do Porto de Santos e a dos Correios.
 

Este site usa cookies para melhorar a navegação.
Termos legais e privacidadeOpt-out